Qual o papel da comunicação interna na empresa?

As empresas estão inseridas em um ambiente vulnerável e que muda constantemente, nesse ambiente é grande a quantidade de informações que circulam. Para um bom desempenho, é fundamental ter agilidade, eficiência  saber lidar com a competitividade.

Nesse cenário de competitividade, se destacam as empresas que adotam as melhores estratégias e tem grandes diferenciais. Por isso, é cada vez mais importante garantir a qualidade e a eficiência dos processos organizacionais, já que eles interferem diretamente nos serviços e produtos oferecidos pela organização.

Quando pensamos em processos, precisamos estar cientes que nenhum processo organizacional vai bem quando a comunicação vai mal. Ela é  fundamental para garantir o bom relacionamento entre uma organização e seus públicos, interno e externo.

E só por meio da comunicação é possível obter uma integração de recursos, em um processo no qual os participantes se comunicam ininterruptamente, a fim de atingir os objetivos previamente determinados.

Os processos de comunicação interna de uma organização têm sido cada vez mais valorizados por líderes e funcionários. Mais do que informar, esse canal deve ser pensado estrategicamente com a finalidade de viabilizar o diálogo, gerando fluxos de informação horizontal e vertical dentro da corporação.

Mas você sabe qual o real papel da comunicação interna nas empresas? Veja, a seguir, quais são as funções dessa ferramenta para as empresas:

Manter os profissionais informados sobre a corporação

Um dos papéis principais da comunicação interna é garantir que as informações sobre a organização, suas decisões e ações cheguem ao corpo de colaboradores de maneira clara, sem margem para suposições e equívocos.

Ao primar por um canal de comunicação direto entre a empresa e seu público interno, são evitados ruídos, boatos e informações falsas, que podem extrapolar os limites da corporação e prejudicar os negócios.

Além disso, é importante que seus colaboradores se sintam parte de sua estrutura, saibam o que a empresa tem feito, o que ela pensa e o que representa, fortalecendo o relacionamento entre ela e os profissionais.

Essa atitude colabora não só objetivamente, facilitando o trabalho realizado a partir de uma equipe bem informada, como também favorece o clima organizacional, contribuindo para a melhor produtividade de todos.

Alinhamento organizacional

Um sistema de comunicação interna eficiente utiliza veículos padronizados e planejados estrategicamente para estar sempre de acordo com a visão da empresa e passar a cultura aos colaboradores.

Assim, missões, valores, metas, objetivos, panorama econômico e tecnológico no qual está inserida são compartilhados com os funcionários, de modo que eles tomem ciência disso e sejam propagadores dessas informações.

Isso contribui para a construção da imagem institucional da empresa, o que acaba repercutindo também sobre sua relação com o público externo e com o consumidor final.

Motivar seus funcionários

Estar por dentro das ações da empresa onde trabalha, sentir-se parte dela e ter orgulho dos resultados compõem um fator motivacional fundamental para os colaboradores, que pode ser trabalhado pela equipe de comunicação interna a partir dos dois objetivos descritos acima.

Além disso, os processos de comunicação devem cuidar para que os funcionários sejam estimulados a melhorar sempre (desenvolvimento pessoal), atingir metas, superar as dificuldades e reverter situações problemáticas.

É importante reconhecer as qualidades de cada um, passar uma imagem positiva de seu entorno, incentivar o maior entrosamento entre os empregados e proporcionar-lhes, sempre que possível, informação, cultura, educação e lazer.

Atuar em parceria com a gestão da organização

Os veículos de comunicação utilizados para falar diretamente ao corpo de trabalhadores da empresa também devem ser explorados para direcionar as ações internas, estimular o cumprimento de regras, prazos e incentivá-los a atingir metas.

Sendo assim, uma comunicação eficiente também dá conta de questões práticas que melhorem o trabalho e a produtividade da equipe, estando em sintonia com as demandas da gestão.

Ao mesmo tempo, é papel da comunicação interna auxiliar líderes a se tornarem comunicadores eficazes, aconselhando-os quanto às habilidades necessárias, identificando seus pontos fracos e fortes, além de ajudá-los  a articular como os objetivos estratégicos da empresa serão atingidos.

Garantir segurança as informações da empresa

Quando a empresa usa práticas e ferramentas desenvolvidas exclusivamente para o ambiente corporativo, as informações circulam com mais segurança e eficiência.

Mas além disso, as políticas de segurança e privacidade de sua empresa devem ser claras e objetivas, além de conter parâmetros para que somente pessoas capacitadas possam lidar com informações importantes.

Dentre essas normas, acordos de confidencialidade podem ser elaborados para minimizar os riscos de vazamentos, uma vez que punições podem ser aplicadas por conta disso.

Proporcionar feedbacks

Ouvir o corpo de colaboradores também é fundamental, afinal, a comunicação se faz nos dois sentidos. Os empregados devem ter canais abertos de comunicação e serem estimulados a se posicionar quanto aos assuntos da empresa, bem como a compartilhar informações que considerarem relevantes.

A equipe de comunicação interna deve ser, portanto, uma fonte primária de retorno informativo para a direção da corporação, viabilizando tanto o fluxo descendente quanto ascendente de informação. O feedback também deve ocorrer para os funcionários, sempre buscando valorizar seus resultados positivos e incentivar melhorias em seu desempenho.

Estimular a interação com outras áreas

O papel da comunicação interna é fazer circular as informações novas, promover o debate e a interação entre os vários setores da empresa, além de auxiliar na capacitação do corpo de funcionários para os novos desafios. Nesse contexto, é seu trabalho permitir que os membros da organização estabeleçam relações interpessoais que favoreçam a produtividade.

Às vezes, uma equipe pode ter seu trabalho alavancado se contar com a ajuda de profissionais de outros setores da corporação, e essa ponte deve ser construída a partir de estratégias da comunicação interna.

Aproveitar os benefícios da mobilidade

Quando os processos de comunicação interna estão sistematizados, eles permitem integrar os profissionais que trabalham fora da empresa, viajando ou visitando clientes, a exemplo da equipe de vendas.

Através de dispositivos móveis com iOS ou Android, programados especialmente para atender às demandas da organização, esses colaboradores podem ter acesso a todas as informações gerenciadas pela comunicação interna, como se estivessem in loco.

Além disso, esse sistema possibilita agilidade na verificação da disponibilidade de determinado produto no estoque, da previsão de sua chegada e outras informações fundamentais para sua rotina de trabalho.

E sua empresa, já sabe qual o papel da comunicação interna? Trabalha com ela de forma estratégica e sabe quais os benefícios traz? Enriqueça o nosso post compartilhando suas dúvidas e sugestões com a gente, através dos comentários.

Por Talita Maria