O que é o Integrated Report e como ele está se tornando uma tendência em corporações?

Sabe-se que estruturas organizacionais são compostas de vários setores e profissionais com diversas competências e conhecimentos, geralmente com conhecimentos aprofundados em suas respectivas áreas. Assim, é compreensível que um diretor de operações não compreenda bem o aporte de informações gerado e fornecido pela diretoria executiva ou diretoria de segurança, por exemplo. Por isso, é possível identificar relatórios de desempenho organizacional sem informações complementares ou que não permitem uma análise mais robusta do negócio.

A partir, principalmente, dessa necessidade de aprimoramento da comunicação empresarial em seu aspecto interno e das exigências de transparência cada vez maiores por parte do mercado, desenvolveu-se o Integrated Report (IR). Continue lendo e saiba o que ele é e como está se tornando tendência em diversas corporações!

Mas o que é o Integrated Report?

O IR significa “relatório integrado das informações organizacionais”. Trata-se de um relatório composto de todas as informações da instituição, sejam elas financeiras ou não, de forma integrada. A principal função deste relatório é oferecer uma melhor prestação de contas, com maior nível de confiança e utilizar do fluxo de informações propiciado pela tecnologia para facilitar a gestão e permitir decisões mais eficazes por parte dos investidores. Mas é importante ter em mente que não basta reunir as diversas informações. Para um Integrated Report  ter qualidade, é preciso que a organização também passe a pensar de forma integrada.

Por que o IR é a nova tendência?

Além de todos os benefícios da compilação de informações e a melhoria da comunicação empresarial já citados, cada vez mais instituições como o Banco Mundial e o Fundo Monetário Internacional (FMI) pedem maior transparência através de um relatório conciso sobre a estratégia, governança, desempenho e projeções de geração de valores a curto, médio e longo prazo. E em um mercado em que a imagem organizacional é tão importante quanto os relatórios financeiros dela, as projeções de crescimento de valores precisam englobar, também, os atributos não financeiros, como o relatório de sustentabilidade. E a tendência é de que, no futuro, o Integrated Report tenha um papel ainda maior na captação de recursos e financiamentos.

Integrated Report: a revolução organizacional de dentro para fora

Nestes tempos de crises, as empresas vêm se destacando ao aprimorar sua comunicação empresarial em prol da melhoria e consolidação do seu crescimento. A utilização do Integrated Report vem revolucionando as organizações de dentro para fora, justamente pelo melhor trato da informação e por atender aos requisitos dos investidores, cada vez menos dispostos a realizar transações de risco indeterminado ou acentuado durante os momentos de instabilidade econômica.

Estamos vivenciando a realidade que Clive Humby definiu em 2006 (“a informação é o novo petróleo”). Mas, agora, o diferencial não é mais deter informação, mas saber como gerir a informação que temos disponível. E é por isso que o Integrated Report é uma ferramenta da nova era da informação, com grande foco na gestão dela. E então, você já conhecia esse termo? Ainda tem alguma dúvida com relação ao Integrated Report? Escreva para nós através dos comentários!