A importância da gestão de pessoas nas organizações

Se você acompanha o nosso blog, com certeza já leu em algum post que são as pessoas que movem as empresas e que o capital humano é a parte mais importante das organizações, não é mesmo?

Nós sempre batemos nessa tecla, porque os responsáveis por gerar resultados, bons ou ruins, na sua empresa são os colaboradores, e por incrível que pareça, em muitas organizações eles ainda não são valorizados ou não tem um bom relacionamento com os gestores e diretores.

Se uma empresa quer se desenvolver e alcançar seus objetivos, independente do que ela oferece e da sua área de atuação, é fundamental que invista na gestão de pessoas. É ela, quando trabalhada com atenção pelas empresas, que possibilita ter colaboradores satisfeitos, felizes e motivados.

Uma organização que tem a gestão de pessoas como aliada se destaca em relação aos seus concorrentes. Além de conseguir administrar a equipe com mais eficiência e qualidade, conseguir identificar as melhores pessoas para exercer determinadas funções é garantir de produtividade e bons resultados.

Se você quer conhecer melhor esse conceito e entender como ele pode alavancar a sua empresa, continue acompanhando o nosso post.

O que é gestão de pessoas?

A gestão de pessoas, como o nome indica, é responsável por comandar e valorizar as pessoas que compõe a organização. Ela busca assegurar que todos os colaboradores se desenvolvam e trabalhem em harmonia com os objetivos da empresa.

Cabe a gestão de pessoas disseminar a cultura da empresa, implementar processos internos, promover o desenvolvimento e o aprimoramento profissional dos colaboradores, dar suporte para que as tarefas sejam executadas com excelência, cuidar dos benefícios propor e elaborar mudanças, resolver conflitos, promover a integração, trabalhar para o recrutamento e retenção de talentos, avaliar o desempenho da equipe, organizar cargos e salários e muitas outras coisas.

É essencial que a empresa se preocupe e invista no desenvolvimento intelectual e psicológico de seus colaboradores, forneça a eles oportunidade de desenvolvimento e capacitação, proporcione um ambiente de trabalho estimulante e com boas condições, e garanta que cada colaborador esteja sempre motivado e dê o seu melhor.

E alcançar todos esses objetivos só é possível através de uma gestão de pessoas de qualidade.

Só o RH é responsável pela gestão de pessoas?

Quando a gente ouve falar em gestão de pessoas, já pensa logo no departamento de recursos humanos das empresas. O que não é errado, porque grande parte das “tarefas” da gestão de pessoas que apresentamos aqui são desenvolvidas pelo RH.

Mas o que não pode acontecer nas organizações, é que a gestão de pessoas seja considerada responsabilidade apenas do departamento de recursos humanos. Os líderes de cada equipe lidam com os colaboradores o tempo todo e tem por obrigação conhecer cada um, entender suas necessidades, e logo, fazer a gestão dessas pessoas.

O gestor de RH não consegue conhecer tão bem os colaboradores quanto os seus líderes conhecem, ele não entende a realidade e as necessidades de cada um. Para a gestão de pessoas ter qualidade, é preciso que ela seja feita em um trabalho conjunto entre gestores, diretores e o departamento de recursos humanos.

É fundamental que aconteça uma constante troca de informações entre eles.

Aliados para ajudar a sua empresa com a gestão de pessoas

Buscar aliados da sua empresa para a gestão de pessoas é a melhor forma de manter o engajamento dos colaboradores e fazer com que eles trabalhem por um objetivo em comum. É claro que algumas pessoas não se adequarão, mas o objetivo aqui é construir uma equipe coesa e que funcione bem, para te ajudar vamos listar algumas medidas que podem ser úteis para melhorar a gestão de pessoas da sua empresa.

A comunicação interna

A comunicação interna é um dos maiores aliados da sua empresa para melhorar a gestão de pessoas. Ela abre espaço para um diálogo mais claro e eficiente, possibilita a interação entre líderes e liderados, além de fomentar o feedback e o envolvimento das pessoas.

A comunicação interna leva mensagens de otimismo, de valorização, de reconhecimento, e isso é imprescindível para que as pessoas fiquem mais motivadas no ambiente de trabalho.

Compartilhamento de propósitos

Sua empresa possui missão, visão e valores bem definidos? Esses compromissos são amplamente divulgados e trabalhados com os seus funcionários? Pois se a resposta é não, chegou a hora de mudar essa situação, pois o propósito da sua empresa deve ser compartilhado com todos para que se tornem verdadeiros aliados da sua empresa e possam inspirar as pessoas para o trabalho.

Plano de cargos e salários

Todo profissional deseja crescimento e isso pode se tornar um problema caso sua empresa não tenha definido como as pessoas podem crescer dentro dela. Neste sentido, o plano de cargos e salários é um dos aliados da sua empresa, pois demonstra onde o seu funcionário está, onde ele pode chegar e o que deve ser feito para que ele chegue lá.

A gestão de pessoas é responsável por deixar claro quais são os requisitos para a mudança de cargo ou posição, e isso pode estar descrito claramente no plano de cargos e salários e ser divulgado a toda a empresa, como forma de homogeneizar a comunicação.

Avaliação de desempenho

Para saber se o seu funcionário está desempenhando adequadamente as funções, nada melhor do que contar com um dos aliados da sua empresa para isso, ou seja, a avaliação de desempenho, realizada pelo setor de gestão de pessoas.

A avaliação de desempenho revela os gaps de competência dos funcionários, ressalta suas qualidades e permite que juntos, liderança e liderado, construam um plano de desenvolvimento pessoal, para que o funcionário melhore ainda mais sua performance.

Meritocracia

Sua empresa não pode deixar de ter como aliada na gestão de pessoas a meritocracia, ou seja, dar recompensa a quem merece. Infelizmente a meritocracia vem sendo deixada de lado em nome de planos de cargos e salários pouco eficientes e, por isso, muitas equipes acabam se dissolvendo por falta de reconhecimento de quem realmente faz.

Nesse sentido, utilize a avaliação de desempenho como forma de selecionar as pessoas que realmente se comprometem com a empresa e buscam ser um diferencial para os negócios e valorize-as, seja com aumento de salário, benefícios extras, folgas ou premiações. Quando a pessoa vê que está sendo reconhecida, compromete-se ainda mais com os objetivos da organização.

Gerir pessoas é uma tarefa bem mais complicada que gerir recursos, já que essas são complexas e nada exatas. Para que a gestão de pessoas seja colocada em prática com sucesso, é preciso planejar, engajar toda a empresa, valorizar e respeitar as singularidades, além de embasar todo o processo no diálogo e na comunicação.

E na sua empresa? Como é feita a gestão de pessoas? Você concorda com o que apresentamos aqui? Compartilhe sua experiência e suas dúvidas com a gente, através dos comentários.

Por Talita Maria